Social Icons

https://twitter.com/blogoinformantefacebookhttps://plus.google.com/103661639773939601688rss feedemail

terça-feira, 7 de abril de 2015

Drone espião ucraniano expõe base russa em Donetsk

16 comentários:

  1. Esse drone foi presente dos EUA ou da Otan? :)
    Aliás, parece que a Ucrânia, devido a ajudas explícitas, já é membro efetivo da aliança, não? Engraçado, eu jurava que tinha várias etapas e muitos trâmites e anos até se firmar como membro efetivo. A Georgia também já tem o mesmo status? A Rússia não pode ajudar os federalistas... mas os EUA podem ajudar quem quer que seja, derrubar regimes e desequilibrar regiões do globo ao seu sabor... A Arábia saudita, junto com os EUA, praticamente criaram o Estado Islâmico, mas a mídia ocidental não dá a menor importância a isso. Mas a Rússia, esse malvado império do mal, está sempre aprontando... Que mundo louco, não? Os EUA derrubaram Yanukovich e colocaram o dono da Fantástica Fábrica de Chocolate no poder. Mas parece que o chocolate está saindo amargo demais... Pois é, às vezes a receita desanda, nem todo mundo aprecia a culinária americana :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, o melhor comentário que li na vida /\.. Pouquíssimos conseguem ver os verdadeiros vilões..

      Excluir
    2. Melhor? Vamos lá... A Ucrânia, por mais que tenha tido um golpe, é um país soberano. É o Estado de Direito! A Ucrânia pode comprar armas de quem quiser, já os federalistas não... Logo a Rússia não pode fornecer armas ou enviar soldados isso, pois isso fere o direito internacional. Por isso nega o envolvimento.

      Agora, essa de que os EUA e Israel criaram o EI, uma bobagem!

      Excluir
    3. Se a Ucrânia teve um golpe, não pode ser um estado de direito. Isso é óbvio. É um estado de FATO. Se um governo ilegal como o de Kiev pode comprar armas, o da Nova Rússia também pode. E a Rússia não está fornecendo armas nem enviando soldados, como o próprio comandante-em-chefe do exército ucraniano já reconheceu oficialmente. Só você acredita nisso.

      Excluir
    4. O Estado de Direito é o que é reconhecido pela comunidade internacional, isso independente de sua visão. Até a Rússia negocia com os golpistas. Todo dia eu provo a participação russa.

      Excluir
    5. A Rússia negocia com os golpistas porque não tem outra saída, o que não os legitima.

      Excluir
    6. Pelo visto você não sabe nada de política. Relação bilateral é legitimar. Quando não se quer legitimar, se faz como israelenses e iranianos.

      Excluir
  2. Quem afirmou isso foi ninguém menos que o ex-agente da NSA e da Cia, Edward Snowden, que está na Rússia. Como fala bobagens esse Snowden!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Snowden desmentiu ter dito isso.

      Excluir
  3. Bem, Michel, você sempre preso a esse papo de soberania e direito internacional... isso já está maçante. Por acaso os EUA respeitam o direito internacional, respeitam um "não" da ONU? Então, por favor... Outra, não me lembro de ninguém ter citado Israel por aqui.. Disse, e não digo bobagens porque, acredite, não é só você que sabe das coisas, que EUA e ARÁBIA SAUDITA, criaram o Estado Islâmico, sobretudo a Arabia Saudita, com o intuito de enfraquecer os xiitas da Síria e Iraque, para enfraquecer as aspirações do Irã na região.

    Agora, é no mínimo curiosa a sua visão dos fatos: quer dizer que vc é a favor do direito internacional mas aceita, naturalmente, um golpe de Estado patrocinado pelos EUA contra um país soberano de um regime legítimo? Estranho, hein... Então a Rússia não pode armar os federalistas, mas a OTAN pode armar um país "soberano" que não faz parte da aliança. Você também deve sentir saudade do Saakashvili na Gerogia, não? Se o encontrar, diga que mandei um abraço, e que o povo da Ossétia do Sul e Abckásia sentem muita saudade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Ucrânia é um Estado, a DNR e LNR não. Logo, não podem comprar armas, muito menos apoio da Rússia, que diga-se de passagem tem interesses ali. Não sei se você, mas o Donbass é a região mais rica da Ucrânia.

      Xiitas na Síria? Ei, Assad está contratando xiitas de vários países porque ali quase inexistem xiitas. Tá sabendo demais, hein?

      O Estado Islâmico foi criado por Abu Musab al-Zarqawi, o Leão de Falujah. Nada tem a ver com a Arábia Saudita. Pode ser que em dado momento a Arábia Saudita pode ter dado um certo apoio, mas não criou a Al-Qaeda do Iraque.

      Eu não aceito golpe nenhum e sempre defendi a Rússia nessa história, tolo. Chamo você de tolo porque há uma nota no Facebook que todos podem ver meu claro posicionamento a favor da Rússia (https://www.facebook.com/notes/o-informante-blog/sobre-a-soberania-da-ucr%C3%A2nia/640707702672474).

      Eu apenas quis dizer que a Ucrânia, como Estado, pode se armar em qualquer parte do mundo, já os federalistas não. É o Direito Internacional.

      E sobre a Guerra de 2008, sempre disse que a Rússia tava certo. Aliás, fui eu quem melhor cobriu o conflito nessas bandas.

      Excluir
    2. O direito internacional não vale para governos golpistas que derrubaram um governo constitucionalmente eleito, principalmente quando essa tomada do poder foi em conexão com potências estrangeiras, como foi exaustivamente provado.

      Excluir
  4. Sim, no momento a Síria está repleta de xiitas e conta com o apoio do Hizbollah, também xiita e do Irã. Mas isso não tem importância,. Só passei aqui para agradecer a sua contumaz gentileza de hostilizar àqueles que discordam de você.

    Um abraço do tolo Tito :)

    ps: permita-me a petulância de contribuir com uma informação, nobre sábio: Assad é alauita, uma vertente do xiismo (xiitas).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O fato deles se considerarem, não quer dizer nada. Ademais, era sabido isso que você falou. Falei isso dias atrás para um membro que me perguntara quem eram os alauítas.

      Excluir
  5. Vcs acham que a Russia ia entregar a Crimeia de bandeja? Onde fica único porto que não congela no inverno. e que dá acesso ao Mediterrâneo?

    ResponderExcluir
  6. A Rússia tem é que botar pra quebrar e acabar com essa palhaçada logo isso já foi longe demais.

    ResponderExcluir